BIC BASKET. OS QUATRO GRANDES SEM TREINADORES NACIONAIS

Partilha e cria impacto...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

 

Por: Evaristo Eponde

Pela segunda época consecutiva nenhuma das quatro grandes equipas, candidatas ao título de basquetebol sénior masculino, é orientada por um treinador nacional.

Os quatro grandes do basquetebol nacional: Petro de Luanda, 1°De Agosto, Libolo e Interclube, continuam a ser orientados por técnicos estrangeiros, o que, de certa forma, preocupa os aficionados da modalidade no país, já que se registam grandes êxitos com treinadores nacionais, a nível das selecções e de equipas.

A última presença de um técnico nacional no banco de suplentes foi a de Paulo Macedo, no 1°De Agosto (2012 a 2014). Na sua estreia venceu o Campeonato Nacional, o Campeonato Provincial de Luanda, a taça de Angola e a taça dos Clubes Campeões de África.

A maior parte dos clubes eram orientados por técnicos angolanos, com destaque para Victorino Cunha, no 1°De Agosto e Vlademiro Romero, pelo Petro de Luanda.

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
Partilha e cria impacto...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

Notify of
avatar
wpDiscuz