ESCASSEZ DO PÃO FAZ VOLTAR BOMBÓ COM CHÁ ÀS MESAS

Partilha e cria impacto...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

image

 

Por: Simone Abimael

Com a crise económica em Angola desde o ano passado, a população teve de ceder a habitual alimentação da manhã. Nas padarias, supermercados e ruas, o preço do pão continua a subir.

O pão pequeno, que outrora custava a 5 a 10 kwanzas, hoje está a 40 ou 45, e o pão Cassete que custava 15 a 20 kwanzas, hoje está a 80 ou 85 kwanzas no mercado (in)formal, situação que deixa a população assustada e preocupada, uma vez que é a alimentação das mesas, sobretudo, nas manhãs da maioria das famílias angolanas, o “matabicho”, o que para muito recebe o nome de “pequeno almoço”. Sem outra opção para o matabicho as famílias são obrigadas a comprar de forma reduzida este sagrado alimento, olha que mesmo com a subida do preço, em alguns locais de Luanda é preciso luta para se comprar.

A equipa da Yetwene procurou saber junto de responsáveis das padarias/pastelarias o porquê da subida do preço em tempo de crise, os padeiros foram unânimes num quesito: a falta de matéria prima, como o trigo nos armazéns em cujo saco de trigo de 50 quilos agora custa, no armazém, 30 mil kwanzas. É a razão.

Segundo economistas, “estamos perante uma inflação de custo” que é associada à inflação de oferta. O nível da demanda permanece e os custos aumentam. Com o aumento dos custos ocorre uma “retracção da produção” fazendo com que os preços de mercado também sofram aumento.

Este tipo de inflação tem como causas: o aumento do custo de matéria-prima que provoca um super aumenta nos custos da produção, fazendo com que o custo final do bem ou serviço aumente; e, por fim, a estrutura de mercado que algumas empresas aumentem seus lucros acima da elevação dos custos de produção.

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
Partilha e cria impacto...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Deixe um comentário

2 Comentários em "ESCASSEZ DO PÃO FAZ VOLTAR BOMBÓ COM CHÁ ÀS MESAS"

Notify of
avatar
Sort by:   newest | oldest | most voted
Corina Camizão
Visitante

É muito triste ver, um alilmento qu edeveria ser básico na mesa de qualquer pessoa no mundo, sofrer esse aumento. No Brasil estamos passando pelo mesmo problema… comer um paõzinho com café virou artigo de luxo… outro item que subiu muito na mesa dos brasileiros é o feijão! Infelizmente as consequencias da crise sempre atingirá os mais fracos…

Dumilde de Almeida
Visitante
A crise é efectivamente um problema social, ou seja, “um fenómeno social” que acaba por afectar toda uma estrutura da sociedade, e por este facto, cria rupturas do ponto de vista social, político e económico. Todavia, com a “crise” a população perde assim o poder de compra e a um aumento exponencial dos principais produtos básicos essenciais à vida das pessoas… O pão faz parte do dieta alimentar de muitas sociedades em particular a angolana, no entanto, com o aumento do seu preço, as famílias mais carenciadas e não só encontra ainda mais dificuldades, dados que, com os seus exíguos… Read more »
wpDiscuz